HOME
LOCAL DOS PAIS
- Educação dos Pais
- Psicologia Espiritual
LOCAL DAS CRIANÇAS
LOCAL DOS ADOLESCENTES
LOCAL DOS JOVENS
CONTATO


Como Espiritualizar Sua Vida Familiar: Os Quatro Ítens que Fazem a Diferença

A maioria dos pais ama verdadeiramente seus filhos e tem no coração tudo o que é melhor para eles. Muitas famílias se voltam para a religião, escolhem igrejas esperando que elas lhes dêem apoio espiritual. No entanto, pesquisas apontam um fato chocante. Em termos de envolvimento em comportamentos de risco tais como fumar, beber, sexo antes do casamento e uso de drogas, não há virtualmente nenhuma diferença entre crianças que foram criadas em igrejas e aquelas que não o foram.

Ben Freudenburg, pai, jovem ministro e autor da “The Family Friendly Church”, (Igreja da Família Amiga), ficou perturbado pelo que viu entre os jovens em sua própria congregação. Começou a pesquisar sobre as estatísticas de jovens e seus envolvimentos com comportamentos de risco. Por anos,Ben lutou com o fato de que não havia virtualmente nenhuma diferença nas estatísticas das crianças “de igreja” e crianças “sem igreja” quanto ao uso de drogas, álcool e sexo.

Sua luta e pesquisas o levaram a uma descoberta. Apenas ir à igreja não faz, necessariamente, uma diferença significativa. Há quatro hábitos familiares simples que FAZEM a diferença em ajudar crianças de todas as idades, desde a mais tenra infância até a adolescência, a manter padrões elevados de comportamento e reforçar sua espiritualidade. Eles são tão simples e baseados no bom senso que farão você respirar aliviado. No entanto, a menos que os implemente, não farão a diferença.

Os quatro ítens que fazem a diferença são:

    1 - Conversar sobre Deus e sua fé com sua mãe.

    2 - Conversar sobre Deus e sua fé com seu pai.

    3 - Orar juntos, como uma família, todos os dias.

    4 - Participar juntos de projetos e serviços para ajudar os necessitados.

Isso faz sentido, pois nós como pais somos a mais poderosa e singular influência na vida dos nossos filhos. Freudenburg nos lembra que “a família é a instituição ordenada por Deus para construir a fé nas crianças e jovens e para passar a fé de uma geração para a próxima.”

Freudenburg diz, "Os pais são os primeiros educadores cristãos na igreja. Não podemos pensar que os instrutores da escola dominical e líderes de grupos de jovens farão o trabalho que nós, como pais, devemos fazer. Dar aos nossos filhos a oportunidade de falar conosco sobre Deus e sua fé é fácil quando fazemos disso uma prioridade. Podemos ambos iniciar conversas e responder quando nossos filhos desejam e precisam falar conosco. Conversas sobre Deus precisam se tornar uma parte regular e espontânea da vida. É importante para nós demonstrarmos através da conversa com nossos filhos o que pensamos de Deus e da Sua influência em nossas vidas.

1 - Conversar sobre Deus e sua fé com sua mãe

Veja as sugestões sobre este tópico junto com as sugestões do tópico abaixo.

2 - Conversar sobre Deus e sua fé com seu pai

• Seja o exemplo da sua fé diante das crianças
• Na hora de dormir, reveja com gratidão os eventos do dia, como uma parte do plano de Deus para nós.
• Quando está dizendo boa noite ao seu filho ou em outras horas sossegadas, converse sobre o que Deus significa para você e convide seu filho a compartilhar suas idéias e experiências.
• Planeje momentos especiais quando cada um dos pais tenha um tempo sozinho com cada filho. Use essas ocasiões para conversar sobre como a vida está indo para eles, o que eles pensam sobre Deus e como podem ficar mais sintonizados com Deus.
• Use "momentos educativos," aqueles momentos em que você pode usar os eventos para fazer um apontamento ou abrir uma discussão apropriada à idade.

    - Quando você está lendo uma história ou assistindo um filme, converse sobre a moral da história.
    - Quando souber de alguém doente ou machucado, ofereça uma prece.
    - Seu filho conta sobre seu amigo que disse uma mentira, fale sobre a honra e o padrão de viver pelas leis de Deus.
    - Quando seu filho fala sobre algo que o perturba,
    - Quando você nota seu filho conflituado devido à pressão dos coleguinhas, pressão da escola ou experimentando dificuldades com relacionamentos.

• Certifique-se que seu filho saiba que você está disponível para conversar, não importa o que esteja acontecendo em seu mundo.
• Inicie uma conversação mesmo quando parece que seu filho não quer conversar!

3 - Orar juntos, como uma família, todos os dias

• Todos provavelmente ouvimos a declaração: “Família que reza unida, permanece unida.” É verdade. O vínculo da adoração habitual a Deus é poderoso.
• A bênção na hora das refeições é simples e provê uma oportunidade regular de rezar em conjunto.
• Rezar na hora de dormir pode facilmente se tornar um ritual familiar. Muitas famílias rezam de joelhos ao lado da cama das crianças, orando uns pelos outros e pelo que está no seu coração.
• Ajuste seu ritual de orações à idade de seus filhos.
• Implemente uma noite familiar uma vez por semana, incluindo tempo para conversas e planejamentos, jogos e as orações de sua escolha.

4 - Participar juntos de projetos e serviços para ajudar os necessitados

• O serviço pode ser tão simples quanto fazer pequenas tarefas com alegria em sua própria casa e ajudar uns aos outros com projetos.
• Ajudar a um avô/avó, outro idoso da vizinhança pode ser fácil e muito gratificante de fazer.
"Manual de Serviços e Projetos" para algumas grandes sugestões de projetos em família.

O esforço para sermos bons pais é um trabalho de tempo integral. Nossas famílias significam tudo para nós e esses são tempos difíceis para nossas crianças e jovens. Nossos filhos encontram influências negativas a cada dia e gostaríamos de poder neutralizá-las. Esses quatro ítens que fazem a diferença são idéias muito simples e fáceis de implementar, usando nossa própria criatividade e estilo de vida.



Senda para Famílias © Copyright 2009 - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por AD&R Marketing